Livro sobre Chefe Silva foi apresentado em Vouzela

O Mercado Municipal de Vouzela acolheu, ontem, dia 8 de dezembro, a apresentação do livro “Chefe Silva Memórias Gastronómicas (em Lafões)”, uma iniciativa integrada na comemoração dos 25 anos da Confraria dos Gastrónomos de Lafões.

A publicação é uma homenagem a um dos mais conceituados chefes da cozinha tradicional portuguesa,   apaixonado pelas terras e gastronomia de Lafões e que muito contribuiu para dar prestígio e notoriedade aos sabores e saberes da região, tendo o Chefe António Silva sido um dos principais impulsionadores da criação da Confraria dos Gastrónomos de Lafões, constituída em dezembro de 1996.

Carlos Rodrigues, Presidente do Conselho Fiscal da confraria, lembrou a ligação afetiva do Chefe Silva a Lafões, terra que no seu entender “ lhe deve memória, gratidão e reconhecimento por tudo quanto ofereceu à região e às suas gentes”.

Celeste Carvalho, Grã-Mestre da confraria dos gastrónomos de Lafões, considerou o chefe Silva, como um dos principais impulsionadores da criação da confraria. Segundo esta responsável, “Este livro vem juntar-se à “Carta Gastronómica da Região de Lafões” e a “Aromas da Terra “Ervas aromáticas do Vale de Lafões”, publicações concretizadas pela Confraria dos Gastrónomos de Lafões. A Grã-mestre adiantou ainda que no próximo ano irá ser feita uma nova publicação, desta vez alusiva aos vinhos de Lafões.

A terminar a sessão, Rui Ladeira, Presidente da Câmara de Vouzela, recordou o chefe Silva como “um ícone da gastronomia portuguesa. Pela ligação estreita e muito afetiva que tinha a Lafões, considerou justíssima a homenagem que a confraria e a autarquia de Vouzela lhe prestam por ocasião dos 25 anos da Confraria dos Gastrónomos de Lafões, entidade que também ajudou a criar”

Memoria do Chefe Silva

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Facebook