200 refugiados já apoiados em Viseu




Mais de 200 refugiados ucranianos já foram apoios pela rede solidária de Viseu, anunciou hoje a Câmara.

“A rede solidária constituída pela Câmara Municipal de Viseu, o Instituto Politécnico de Viseu (IPV), a Associação Viriatos.14 e a Associação de Ucranianos de Viseu continua a apoiar os mais de 200 refugiados que nos últimos dois meses chegaram a este concelho. Nos mais de 500 atendimentos realizados na semana passada, na Divisão de Desenvolvimento e Coesão Social da autarquia, no Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes (CLAIM) e Loja Solidária do IPV, foram dadas respostas a refugiados de Viseu e arredores, nomeadamente de concelhos como Mangualde, Vouzela, Carregal do Sal, Oliveira de Frades e São Pedro do Sul”, explicou a Câmara.

De acordo com a informação, “foram registados mais 66 pedidos para a frequência de aulas de língua portuguesa, registados mais 12 alunos nas escolas do 1.º e 2.º ciclo, deslocalizados três refugiados para Itália, realojadas outras seis pessoas, além dos muitos apoios em alimentação e bens de primeira necessidade”.

“A rede recebeu o reforço da Junta de Freguesia de Viseu no apoio ao fornecimento de óleo, azeite, farinha, açúcar, guardanapos, papel higiénico, flocos e cereais para crianças e jovens, artigos de higiene pessoal, artigos de higiene íntima para mulher e homem, além de artigos de puericultura, que têm tido mais procura por parte das famílias instaladas. Para este tipo de artigos ou roupa de verão para mulher, adolescentes e crianças, a Loja Solidária do IPV acolherá com agrado a solidariedade dos viseenses”.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Facebook