Realizam-se hoje cerimónias fúnebres de Telmo Teixeira de Figueiredo

Telmo Figueiredo
Telmo Teixeira de Figueiredo foto:CM Vouzela

Realizam-se esta Quinta-feira, as cerimónias fúnebres de Telmo Teixeira de Figueiredo, que faleceu na passada Terça-feira aos 91 anos de idade.

A câmara municipal de Vouzela, decidiu declarar dois dias de Luto Municipal, pretendendo, assim, render homenagem a um Homem de carácter, franco e abnegado, que durante a sua vida esteve sempre ligado aos mais importantes movimentos cívicos, culturais e associativos do concelho.

Desta decisão decorre que a bandeira municipal dos edifícios da tutela da Câmara Municipal ficará a meia haste até ao final do dia 16 de março.

O corpo de Telmo Teixeira de Figueiredo, ficará em câmara ardente no salão dos Bombeiros Voluntários de Vouzela, até amanhã às 13:30 horas, de onde seguirá para o crematório de Viseu. As cinzas, serão depositadas no cemitério de Vouzela, cerca das 18:00 horas.

TELMO TEIXEIRA DE FIGUEIREDO

Data de Nascimento: 14 de Abril de 1925

HABILITAÇÕES ACADÉMICAS:

– Fez ainda instrução primária em Vouzela, e, no Liceu de Viseu, todo o ensino secundário.

– Na Escola de Farmácia de Lisboa obteve o curso profissional, concluindo a licenciatura em Ciências Farmacêuticas na Faculdade de Farmácia do Porto.

PERCURSO PROFISSIONAL:

– Desde 1950 exerceu a direcção técnica da Farmácia Teixeira, cuja propriedade assumiu em 1975.

– Em 1955, adquiriu o “Noticias de Vouzela”, administrando-o e fazendo parte da sua redacção durante vinte anos.

– Ajudou a lançar a Cooperativa de Rádio de Vouzela, CRL presidindo à sua direcção desde a fundação, há 18 anos, com excepção de um pequeno período de tempo no qual foi vice-presidente, director de informação durante toda a vida da Rádio Vouzela.

– Em actividades ligadas à sua profissão, foi membro do Conselho Nacional da Associação Nacional das Farmácias, em representação das farmácias do distrito.

– Foi presidente do Conselho Fiscal da Secção Regional de Coimbra da Ordem dos Farmacêuticos e, nostriénios de1994-95 e 1998-2000 presidiu à sua mesa na Assembleia Geral.

OUTRAS INFORMAÇÕES RELEVANTES:

– Em 1951, é eleito presidente da Direcção dos Bombeiros de Vouzela, cargo que exerceu, posteriormente em vários períodos, durante dezoito anos,

– De 1953 a 1958, comandou o Corpo de Bombeiros.

– Foi presidente da mesa da Assembleia da Sociedade Musical Vouzelense nos anos de 1973 e 1974 e de 2012 a 2015.

– Foi presidente do Conselho Técnico e membro do Conselho de Contas da Associação de Futebol de Viseu e ocupou durante seis anos o lugar de vogal da sua Direcção.

– Em 1961, integrou o grupo de conterrâneos que constituiu a sociedade que viria a criar e a manter durante catorze anos o Externato de S. Frei Gil, sendo seu secretário e professor.

– Em 1981, juntamente com três amigos, dá o seu contributo à constituição da CTV – Confecções Têxteis de Vouzela, L.da.

– Na década de 50 fundou a “Gráfica Vouzelense”.

PERCURSO POLÍTICO:

– Nos seus tempos de estudante fez parte do MUD Juvenil, integrando a comissão de delegados da Universidade de Lisboa e colaborou na campanha à Presidência da República do General Norton de Matos. Posteriormente, trabalhou na campanha do General Humberto Delgado, e, em 1969, fez parte da comissão concelhia da CDE para as eleições legislativas, prosseguindo no MDP – CDE.

PERCURSO AUTÁRQUICO:

– Eleito para a Assembleia Municipal em 1976.

– Presidente da Assembleia Municipal de Vouzela de 1990 a 1993.

Foi homenageado pela Câmara Municipal de Vouzela a 14 de maio de 2006.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.